27 julho 2016

O Homem sem Signo | Daniel Monteiro







"- Sendo o último, eu teria o poder de Sauza inteiro para mim. Não seria mais um servo de Capricórnio, mas uma espécie de homem sem signo."








A Lança Dourada #1

Dessa vez venho dividir com vocês a minha opinião sobre O Homem sem Signo, o primeiro livro de parceria do blog! \o/

AUTOR: Daniel Monteiro é engenheiro mecânico e administrador. Em 2012 publicou O Homem sem Signo e não parou mais com as histórias de ficção fantástica, tendo publicado até 2016 mais dois romances e um conto.

DO QUE SE TRATA: Neste livro seguimos a jornada de Amato que tem como objetivo matar os caídos do céu (chamados também de filhos do zodíaco) para livrar seu pai de sua maldição. Mas é claro que isso não seria fácil assim...

OPINIÃO: Apenas 200 páginas?! Não, essa história precisa de mais páginas para ser bem desenvolvida. E precisa MUITO de um mapa! Quanto a mitologia só digo: amei <3. Achei que toda essa relação entre os signos, constelações, filhos do zodíaco e homem sem signo foi uma ideia muito boa. E acho que ela possibilita um desenvolvimento enorme dos caídos do céu. Fiquei super curiosa para saber sobre cada um deles e como a sua respectiva constelação influenciou na sua vida. Mas como eu disse, não foi isso que aconteceu. Por ter poucas páginas a história se torna muito corrida, algumas ações pareceram mal explicadas, a passagem de tempo ficou meio confusa durante a troca de núcleos. Mas apesar disso, um ponto que eu achei fortíssimo no livro foi o fato de Amato, o personagem principal, não ser o "mocinho". Achei muito legal ele ser capaz que fazer tudo o que fez em busca dos seus objetivos e acho interessante poder ver a história pelo olhos do "vilão" (é claro que todos esses rótulos dependem do ponto de vista né). Em resumo, diria que foi muita treta para pouca página e que um mapa ajudaria horrores. O que não desmerece essa obra que sim, é uma boa história!

AVALIAÇÃO:


SÉRIEA Lança Dourada é uma trilogia formada por livros independentes: O Homem sem SignoA Pedra Celestial e O Desejo do Sol. Cada livro se passa em uma época diferente, com personagens diferentes e tramas com início, meio e fim.

ONDE COMPRAR: Amazon



Gostou? Compartilhe com os amigos. Discorda? Então deixe sua opinião aqui nos comentários! ;) 

8 comentários:

  1. Adorei a resenha, Mariana.
    Há 2 anos eu estava de olho nesse livro, mas não comprei. Qualquer hora vou dar uma chance e ler.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Emerson, obrigada. :D
      Dá uma chance mesmo. Ele é bem rápido de ler e acho que é um mundo que vale a pena conhecer.
      Bjos

      Excluir
  2. Oi Mariana... Achei super interessante com esta sua opinião... Eu geralmente amo vilões e ver a estoria do ponto de vista dele seria bem interessante pra mim... Hehehehe.... Gostei da premissa...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lally
      Eu acho super legal a visão do vilão também e acho essa mitologia fantástica. Vale a pena a leitura. Pode ir com fé :)
      Bjos

      Excluir
  3. Tive praticamente as mesmas impressões que você: achei a narrativa muito corrida, mas gostei do desenvolvimento dado a Amato. Gostei mais de "A Pedra Celestial" (mas acho que este foi escrito depois, o que explica a melhora).

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Laís
      Eu não li A Pedra Celestial, então não sei dizer se a narrativa melhora ou não. Mas sei que não segue essa mesma linha de O Homem sem Signo, parece que o personagem principal é mesmo o "mocinho".

      Excluir
  4. Muito obrigado pela resenha, Mari. Cada nova opinião que aparece é mais um oásis no deserto que é a publicação independente.
    Adorei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Daniel ^^
      Quando a história está boa tem mais é que aparecer mesmo. :D

      Excluir